A Prova de Fogo

Uma História de Persistência e Amor em A Prova de Fogo

A Prova de FogoO capitão Caleb Holt é um veterano bombeiro no departamento de bombeiros de Alban na Georgia.. Segundo ele, todos pensam que ele é um herói, exceto sua própria esposa.

Catherine Holt, a sua esposa não pensa da mesma forma.Ela sofre com a sempre ocorrente  inconsciência e o egoísmo de Caleb. Suas promessas conjugais parecem estar distantes da realidade agora e a ideia de um divócio esta em sua mente há algum tempo.

O casal já não se entende mais e mal se veem.

Ela puxa o gatilho e procura por  um advogado de divórcio, e Caleb está pronta para deixar a bala bater nele. Mas então seu pai decide fazer uma pequena intromissão compassiva. Ele dá a Caleb um tipo de revista manuscrita que narra como 40 dias de "tentar" no caminho certo podem mudar tudo.

Inicialmente Caleb acha tudo aquilo uma besteira sem tamanho, mas seu pai o convence. Uma das coisas escritar no tal caderno, diz que ele não pode dizer nada negativo a sua esposa e também que deve fazer algo inesperado, como um ato de bondade.

Em um diálogo com seu colega de trabalho e também bombeiro,Michael, ouve-se as seguintes frases: "Uma mulher é como uma rosa. Se você a tratar bem, ela vai florescer. Se você não fizer isso, ela vai querer". Além disso, "quando a maioria das pessoas promete" para melhor ou para pior, "eles só significam para melhor". Invocando o título do filme, ele diz: "A prova de fogo não significa que um fogo nunca virá, mas que, quando vier, você poderá suportar isso".

E é nessa hora que você pode desejar ter um amigo tão bom em dar conselhos como aconteceu com o protagonista do filme, nesse caso.

A forma com que os atores conseguiram retratar as lutas e provocação do cotidiano de um casal é capaz de te fazer impressionar-se e até mesmo algumas pequenas lágrimas podem cair. Afinal, ninguém é de ferro.

Este é um filme que nos mostra o quanto é difícil reviver um casamento quase morto e qual é a importância de todo o esforço. E há também  um contexto religioso para o filme. Mas os aspectos religiosos do filme não devem evitar aqueles que são avessos à religião.

O amor e o serviço desinteressados como chaves para um casamento alegre não são exclusivos de qualquer religião.

Pessoas que estão passando por momentos como os retratados no filme,  motivados pela negligência conjugal, apatia e vontade, certamente serão levadas a rever as  promessas feitas que uma vez foram tão emotivas e repletas de vínculos.

E implementar alguns pontos do filme em sua vida conjugal. E todos sairiam como vencedores. Um filme distribuido pela Samuel Goldwyn Films.

Trailer: